sexta-feira, 9 de abril de 2010

Concurso CFOPM 2010: Republicação de Edital


Senhores Candidatos ao CFOPM/2010,

Republicaremos no Diário Oficial do Estado deste final de semana, a saber, 10 e 11.04.2010, a íntegra do Edital de Abertura de Inscrições do Concurso Público de Provas para Admissão no Curso de Formação de Oficiais da Polícia Militar/2010 (Edital n.º 005-CG/2010), por haver saído com incorreções.

Saliento que não houve nenhuma mudança substancial no texto, de forma que as alterações apenas esclareceram as dúvidas postadas pelos candidatos nos comentários do blog da PMBA, em especial em relação ao processamento dos recursos, a fórmula de cálculo do escore global do Exame de Conhecimentos, além de ratificar que a disciplina Redação constitui prova autônoma, valorada em uma escala de zero a dez, com atribuição de peso 4.

Cumpre registrar, também, que a retirada da disciplina Língua Espanhola e a manutenção apenas de Língua Inglesa no conteúdo programático ocorrera em razão da mudança na Matriz Curricular do Curso de Formação de Oficiais da PMBA, de vez que esta última constará como disciplina obrigatória de todos os seis semestres do precitado Curso.

Aproveito para esclarecer também aos membros da Corporação, em razão das reiteradas perguntas, que o Estatuto dos Policiais Militares da Bahia (Lei n.º 7.990, de 27 de dezembro de 2001) estabelece o limite de 30 anos para fins de ingresso na Corporação, de forma que foi estabelecida interpretação administrativa de que aqueles que já ingressaram na PMBA possam mudar de Quadro sem o referido óbice, desde que devidamente aprovados em concurso público acessível a todos, já que sua data de ingresso será a inicial na Instituição, e não a data de matrícula no Curso de Formação de Oficiais da Polícia Militar.


Nilton Régis Mascarenhas - Cel PM
Comandante Geral

103 comentários:

  1. Boas explicações Comandante, porém, baseado nos mesmos princípios que nortearam a dispensa dos atuais policiais quanto ao limite de idade estabelecido no edital atual, poderia-se aplicar o mesmo entendimento quanto ao teste psicológico, uma vez que este também é requisito de ingresso na PMBA, conforme reza nosso Estatuto.
    Assim, se o indivíduo já é integrante da PMBA e outrora passou por testes psicológicos, não há motivos para submetê-lo novamente a tal exame.
    Peço, em nome dos praças que prestarão esse concurso, que essa disposição seja revista da mesma forma cautelosa que foi utilizada para os demais esclarecimentos.
    Obrigado

    ResponderExcluir
  2. e a prova de direito tera quanyas questões e qual sera o peso?

    ResponderExcluir
  3. Antonio Jose dos Satos10 de abril de 2010 19:08

    Senor Comandante

    Obrigado! É assim que age uma pessoa que detém o poder sobre outras pessoas. Continue na sua caminhada de vitorias. Sei qe o Senhor está causando muitos ciumes em virtude do seu jeito de ser e de agir. Confie em nós policiais

    ResponderExcluir
  4. Estamos vivendo uma nova fase em nossa PMBA e tenha plena certeza que, mesmo com as limitações impostas pela política, o senhor tem os méritos desse novo momento na história de nossa briosa.

    ResponderExcluir
  5. Obrigado pelas explicações.

    O Sr. veio para mudar a história dessa corporação.

    Peço-lhes por favor, o que sr. puder fazer para melhorar a vida do praça;FAÇA.

    Nós agradecemos muito.Quando eu for oficial, o que eu puder fazer para ajudar essa classe; COM CERTEZA FAREI.

    UM forte abraço de um miliciano de Feira de Santana.

    ResponderExcluir
  6. Sr Coronel Comandante


    Parabens pelo cumprimento da palavra no tocante ao curso para PM antigos.

    Gostaria de sugerir ao Senhor que, já passou da hora do Senhor comentar sobre a ´´disciplina´´
    ´´hierarquia´´ e também, comentar sobre a razão dos Cmts de CIPMs e Batalhões (segurar/engavetar/proteger) punições de PMs infratores.
    O Senhor não imagina como o sistema é forte e ´´soberano´´ no interior.
    Semana passada ouvir na Radio Sociedade aqui de SSA, uma carta lida pelo locutor(Mariane) tocando os arados. Tenho PM (familia) que trabalha no interior que confirma as miserias lá existente.

    Continências Comando.

    ResponderExcluir
  7. Comandante, o presente edital não faz menção a tatuagens. Gostaria de obter mais informações quanto as condições para prestar o concurso possuindo tal característica.

    ResponderExcluir
  8. PQ DUAS PORTAS DE ENTRADA NA PMBA?

    ResponderExcluir
  9. Acho justo a desconsideração de teste psicológico para quem já é integrante, uma vez que estes já passaram por tal exame.

    ResponderExcluir
  10. Diante da proximidade do início das atividades de ensino da Academia de Polícia Militar para o ano letivo 2010, o Coronel Rivaldo Ribeiro dos Santos, Diretor da APM, convida os oficiais interessados em lecionar naquela Escola a enviar seus currículos, contendo adisciplina(s) de seu interesse, baseando-se nas prevista para o 3º CFOPM, 2º CFOPM, 1º CFOPM e CFOAPM (ver nota disponível na Intranet da PMBA).
    Da mesma forma, estão convidados oficiais e praças qualificados para o ensino de Língua Inglesa ou Espanhola para também assim procederem, já que as disciplinas se tornaram obrigatórias no currículo do CFO a partir de então, como foi divulgado no Twitter.
    Ressalte-se que os que aspirarem à vaga de instrutor passarão por avaliação de uma instituição especialista no ramo de idiomas. As informações devem ser remetidas para o e-mail apm.ude@pm.ba.gov.br, o qual deverá ser acessado através do link http://expresso.ba.gov.br até o dia 10/02/2010. Pelo que percebir tb sera obrigatorio ministrar o disciplina espanhol durante o curso de formação de oficial, visto que estão convocando ambos professores para enviar o curriculum para dar aulas no curso.
    Entretanto as palavras do Comandante Mascarenhas no blog da PM foram estas:

    "Cumpre registrar, também, que a retirada da disciplina Língua Espanhola e a manutenção apenas de Língua Inglesa no conteúdo programático ocorrera em razão da mudança na Matriz Curricular do Curso de Formação de Oficiais da PMBA, de vez que esta última constará como disciplina obrigatória de todos os seis semestres do precitado Curso."
    Ficando subentendido que so iria ser cobrada como materia dentro do CFO o inglês.
    Prezado comandante não seria justo ser colocado a opção de lingua espanhola, visto que, o senhor esta convocando membros da corporação para ministrar aula de ambas as matérias.POR FAVOR REFLITA ISSO E OPTE PELO MAIS JUSTO, RAZOÁVEL E PRUDENTE.

    ResponderExcluir
  11. Caro Cel Mascarenhas, mas ñ Academia espanhol tb ñ será matéria cobrada?
    O fato da exigência de inglês ñ prova chega ser injusto as classe menos favorecidas, chegar passar a impressão qye o cfo esta se fechando e priorizado as elites, até pq neguem aprende inglês em 2 meses.
    Peço desculpa se meu questionamento feri a administração da PM

    ResponderExcluir
  12. Comandante, lendo sua historia vo q o senhor é natural de alagoinhas uma terra humilde, sendo assim acredito q o senhor ñ tenha nascido em berço e ouro e sabe da dificuldade q nós q somos descendentedes de zubir temos p/ conseguir alguma coisa na vida, ou seja, um curso de inglês p/ nós q sonos dessa clase chega a ser uma coisa utópica, ñ feche a porta da briosa p/ essa gente q assim como o senhor já tem muita dificuldade em seu caminho p/ chegar ao topo da pirâmide. A retirada de espanhol é de uma certa forma fechar as portas da PM p/ os descendentes de Zumbi

    ResponderExcluir
  13. O teste psicológico para praças que já foram submetidos a esse tipo de prova antes, não é justificável.

    ResponderExcluir
  14. Sr Comandante, boa noite e minha continencia regulamentar !!!
    Sou Policial Militar em FSa e agradeço toda a forma de comunicação ampla ao qual o Sr. coloca à disposição a nós milicianos e também a um público em geral que contempla este blog institucional.
    Com relação ao edital do concurso ao Curso de Formação de Oficiais PM/2010 onde exige APENAS a prova de Inglês acredito que seria viável, pelo menos neste certame, a inclusão também da prova Espanhol.
    Cmt o fato de apenas 02 (dois) meses para uma preparação para a prova de Inglês é de grande dificuldade, tornando um agravante para quem há mais de 01 (hum) ano se prepara para um certame, onde a disciplina Espanhol era ainda facultada.
    Tal situação atual privilegia os alunos que tem maior afinidade a tal disciplina, porém tira o direito de igualdade de competição a uma grande maioria que teve um ensino baseado desde o periodo médio pautado na disciplina retirada desta vez neste certame.
    Posto aqui tal argumento pois acredito em um perfeito diálogo inciado pelo Sr., na certeza de uma resposta satisfatória e na esperança de permanecer esta igualdade respeitada através de uma hierarquia não imposta mas sim respeitosa, baseada na dedicação observadas por todos através de V. S.
    Desde já obrigado pela atenção.
    Saudações milicianas

    ResponderExcluir
  15. Concordo plenamente com a manutenção da prova de inglês.
    Dá tempo para estudar

    ResponderExcluir
  16. CMT peço a atenção do Sr sobre a questão da opção de lingua estrangeira no vestibular CFO 2010. Visto que a lingua espanhola é uma das mais faladas no Brasil e está crescendo muito, em breve passará a inglesa. Sempre estudei e me preparei para vestibulares tendo a mesma como base. desde já sinto-me obrigado a agradecer.

    ResponderExcluir
  17. Senhor comandante,gostaria que vossa senhoria solicitasse a retificação do edital,ou seja,incluir tb a matéria de espanhol,ficando a escolha do candidato entre ambas,pois tem pessoas que já vem estudando a 4 anos e com isso ficará prejudicada.Temos que concorrer de igual para igual,em vista que muitos candidatos irão chutar tal matéria,issso pq para não desistir de seu sonho,desde já agradeço ao senhor.

    ResponderExcluir
  18. Não vejo motivos pra o questionamento do edital com relação à cobrança da lingua inglesa. Como afirmou o Comandante: "constará como disciplina obrigatória de todos os seis semestres do precitado Curso". A carga horária de lingua inglesa será maior que a de espanhol, além disso, o inglês é lingua universal. Outro ponto é de que na prova não se exigirá que ninguem fale inglês fluente, avançado ou intermediário, será somente cobrado conhecimentos básicos para interpretação de texto.

    ResponderExcluir
  19. Estudei a minha vida toda no colégio da polícia militar- dendezeiros, e a escola sempre teve carência de professores de inglês. No meu ensino médio tive a opção de escolher o espanhol como a lingua estrangeira. E está sendo complicado aprender nesse pouco tempoo inglês. Na minha opinião não devria nem cobrar lingua inglesa no concurso de oficiais militares. Assim como as disciplinas de física, biologia e química foram retirados, lingua estrangeira deveria ser retirada do processo seletivo. Tem pessoas que não sabem a própria lingua portuguesa, imagine a lingua estrangeira.

    ResponderExcluir
  20. Com relação ao pensamento acima: Se formos pensar dessa forma, deveria ser retirada a matéria matemática, pois muita gente não sabe, ou geografia, pois muitos não conhecem a geografia do Brasil ou da Bahia.
    Eu também não sei a matéria direito, mas vou estudar pra fazer a prova. Penso quem não sabe inglês, deve estudar pra fazer a prova também.

    ResponderExcluir
  21. A maioria estará em posição de igualdade quanto a prova de inglês.
    Não vejo motivos para tanta agonia.
    É bom deixar do jeito que está Comandante. Eu só retiraria a exigencia de praças serem fazerem o psicoteste. Já fizeram, não precisam mais desse exame.

    ResponderExcluir
  22. Sr Comandante,
    Li na intranet sobre a intenção de abertura do curso de Sargentos, no entanto, só foi aberto o Concurso de Oficiais, que por sinal, são apenas 12 vagas para nós, mulheres.
    Faz-se necessario valorar, um pouco mais, nós policiais que, desde 1999 não tivemos abertura para tais vagas. Por favor, nos informe se realmente será este ano, pois precisamos nos preparar, visto que, além de PMs, somos esposas, maridos, mães, pais, estudantes....

    ResponderExcluir
  23. Senhor comandante, fineza considerar sua proprias palavras,pois o senhor convocou oficiais e praças para ministrarem aulas de ambas as materias na academia (ESPANHOL E INGLES).Portanto seja coerente e coloque a opção lingua espanhola na prova do dia 06 de junho.Estou pedindo ao Senhor para retificar o edital via administrativamente, entretanto caso o senhor n considere a questão enviarei o pleito para o Ministerio Público resolver essa questão.Estou apenas buscarei o direito de inumeros de candidatos,que assim como eu fiquei prejudicado pela atitude do senhor em retirar a materia espanhol do quadro de provas para o CFO.A desculpa que o Senhor falou referente a obrigatoriedade de ser cobrada a lingua inglesa durante o curso é tao verdadeira, qt a que o senhor falou qd convocou pelo twitter professores para ministrar aulas de ambas as disciplinas ingles e espanhol.Nao leve em conta comentarios individualistas de alguns colegas acima, como por exemplo o senhor DIOGO e outros que apenas estam adorando ser privilegiados pela segunda vez, pois certamente tiveram alguem para bancar um curso de inlges para ambos (PAITROCINIO).Não conheço o senhor pessoalmente , entretanto como Comandante de inumeras pessoas , acho que o senhor n esta no comando atoa, tenha um minimo de coerencia e bom senso , seu ato de modificação trara ao senhor um numero maior de admiradoras do seu trabalho.Desculpe se usei alguma palavra ofensiva ao senhor, foi apenas um desabafo diante dessa injustiça que esta ocorrrendo com pouco milhares de candidatos.

    ResponderExcluir
  24. Boa noite Comandante,

    Sobre o Quadro de Oficiais Complementares (o Quadro Complementar), o que o senhor poderia nos falar? Qual a previsão para a primeira turma? Obrigada e fique com Deus.

    ResponderExcluir
  25. Sr. Comandante Cel. Mascarenhas,

    Muito agradecido por liberar os GUERREIROS para iniciar no CFO-PM/BA 2009.
    Já que os mesmo não tinham culpa do inpedimento. Agora os GUERREIROS podem iniciar as suas carreiras na Policia Militar da Bahia.

    ResponderExcluir
  26. Que permaneça a prova de inglês apesar de eu estar me virando nos 30 para aprender alguma coisa.
    Deixemos de ser covardes e aprendamos a encarar desafios.
    Que tipo de policiais queremos ser?
    Uma das maiores características da atividade policial é estar sempre encarando as adversidades.
    Sucesso a todos.

    ResponderExcluir
  27. Comandante,

    Por favor, conceda a oportunidade de fazermos a prova no interior. Moro em Vitoria da Conquista e não tenho condições financeiras de pagar a inscrição e Tb pagar a viagem e hospedagem para Salvador. Peço ao Sr que conceda-nos a oportunidade de fazermos as provas no interior Tb. Pessoal postem também sobre este assunto !

    ResponderExcluir
  28. Por favor comandante,realização da prova no interior também !

    ResponderExcluir
  29. MORO NO INTERIOR. SE A PROVA FOSSE NO INTERIOR TAMBÉM, EU IRIA FAZER.

    ResponderExcluir
  30. Prova no interior também por favor !

    ResponderExcluir
  31. NÃO ACHO MUITO JUSTO A PROVA SÓ EM SALVADOR !

    ResponderExcluir
  32. Igualdade por favor ! Prova no interior também !

    ResponderExcluir
  33. Por favor comandante, permite a prova no interior também !

    ResponderExcluir
  34. POR FAVOR COMANDANTE PERMITE QUE O PESSOAL DO INTERIOR TENHA A MESMA OPORTUNIDADE . PERMITA A PROVA NO INTERIOR TAMBÉM POR GENTILEZA !

    ResponderExcluir
  35. Quem mora no interior está clamando comandante! Prova no interior também por favor !

    ResponderExcluir
  36. Quem mora no interior está clamando comandante ! Permite a realização da prova no interior também, por favor !

    ResponderExcluir
  37. candidato cfo 201016 de abril de 2010 17:14

    Comandante, permita a realização das provas no interior do estado também. As provas poderiam ser realizadas nas 6 cidades correspondentes as regiões de classificação do concurso da PM : Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras . Por favor comandante, ajude as pessoas do interior. Contamos com o Sr Comandante !

    ResponderExcluir
  38. Comandante,
    Por favor, conceda a oportunidade de fazermos a prova no interior. Moro em Vitoria da Conquista e não tenho condições financeiras de pagar a inscrição e Tb pagar a viagem e hospedagem para Salvador. Peço ao Sr que conceda-nos a oportunidade de fazermos as provas no interior Tb. Pessoal postem também sobre este assunto !

    ResponderExcluir
  39. Por favor comandante,realização da prova no interior também !

    ResponderExcluir
  40. MORO NO INTERIOR. SE A PROVA FOSSE NO INTERIOR TAMBÉM, EU IRIA FAZER.

    ResponderExcluir
  41. NÃO ACHO MUITO JUSTO A PROVA SÓ EM SALVADOR !

    ResponderExcluir
  42. Igualdade por favor ! Prova no interior também !

    ResponderExcluir
  43. Prova no interior também por favor !

    ResponderExcluir
  44. Por favor comandante, permite a prova no interior também !

    ResponderExcluir
  45. POR FAVOR COMANDANTE PERMITA QUE O PESSOAL DO INTERIOR TENHA A MESMA OPORTUNIDADE . PERMITA A PROVA NO INTERIOR TAMBÉM POR GENTILEZA !

    ResponderExcluir
  46. quero fazer o cfo........17 de abril de 2010 11:31

    Comandante, permita a realização das provas no interior do estado também. As provas poderiam ser realizadas nas 6 cidades correspondentes as regiões de classificação do concurso da PM : Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras . Por favor comandante, ajude as pessoas do interior. Contamos com o Sr Comandante !

    ResponderExcluir
  47. Quem mora no interior está clamando comandante ! Permite a realização da prova no interior também, por favor !

    ResponderExcluir
  48. Comandante,
    Por favor, conceda a oportunidade de fazermos a prova no interior. Moro em Vitoria da Conquista e não tenho condições financeiras de pagar a inscrição e Tb pagar a viagem e hospedagem para Salvador. Peço ao Sr que conceda-nos a oportunidade de fazermos as provas no interior Tb. Pessoal postem também sobre este assunto !

    ResponderExcluir
  49. Por favor comandante,realização da prova no interior também !

    ResponderExcluir
  50. MORO NO INTERIOR. SE A PROVA FOSSE NO INTERIOR TAMBÉM, EU IRIA FAZER.

    ResponderExcluir
  51. Prova no interior também por favor !

    ResponderExcluir
  52. NÃO ACHO MUITO JUSTO A PROVA SÓ EM SALVADOR !

    ResponderExcluir
  53. Igualdade por favor ! Prova no interior também !

    ResponderExcluir
  54. Por favor comandante, permita a prova no interior também !

    ResponderExcluir
  55. POR FAVOR COMANDANTE PERMITA QUE O PESSOAL DO INTERIOR TENHA A MESMA OPORTUNIDADE . PERMITA A PROVA NO INTERIOR TAMBÉM POR GENTILEZA !

    ResponderExcluir
  56. candidato do interior........17 de abril de 2010 15:45

    Comandante, permita a realização das provas no interior do estado também. As provas poderiam ser realizadas nas 6 cidades correspondentes as regiões de classificação do concurso da PM : Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras . Por favor comandante, ajude as pessoas do interior. Contamos com o Sr Comandante !

    ResponderExcluir
  57. Quem mora no interior está clamando comandante ! Permita a realização da prova no interior também, por favor !

    ResponderExcluir
  58. Cel Mascarenhas,
    Em nome de inúmeros candidatos que estão se sentindo prejudicados com a PROVA DE LÍNGUA INGLESA, eu peço: por favor retifique este edital, acrescentando a PROVA DE LÍNGUA ESPANHOLA, pois como alguns colegas já comentaram, a própria Polícia Militar convocou PROFESSORES civis e Militares para ministrarem aulas das duas línguas supracitadas. Como podemos concordar com a imposição de uma língua em detrimento de outra? As duas Línguas são essenciais para o Policial Militar e, consequentemente, pertencentes ao currículo da APM. Espero, mais uma vez, o bom senso do Comando da "nossa" PMBa. Saudações.

    ResponderExcluir
  59. Entendo o posicionamento do Comandante, a convocação de professores de ambas as disciplinas deve ter se dado tendo em vista os alunos que já estão na APM. Como o próprio Comandante disse, a mudança é da nova matriz curricular. Aqueles que não tem afinidade com inglês terão que conviver com ele na APM da mesma maneira, então melhor somente com ele, do que com ele e espanhol juntos, mesmo porque é mais fácil se dedicar a apenas um idioma do que a dois.

    ResponderExcluir
  60. AO COMANDO E AOS COLEGAS!
    O Estatuto dos Policiais Militares da Bahia (Lei n.º 7.990, de 27 de dezembro de 2001), que estabelece o limite de 30 anos para fins de ingresso na Corporação, ESTÁ ILEGAL E INCONSTITUCIONAL, uma vez que a CF88 veda seleções com limites de idade, sexo, altura e estado cívil e o CONGRESSO NACIONAL ainda não elaborou lei com fundamentação cientifica que autorize às Instituições Militares a agirem desta forma. Não é a simples existência desta lei que vai modificar isso. EXISTE A CF88 que é a carta-mor do país e que deve ser respeitada por todas as outras legislações.
    Se se sentirem lezados em seus direitos podem entrar na justiça pois é CAUSA GANHA!
    Eu mesmo já derrubei o Exército na justiça em 2008.
    Se a Instituição quer legislar sobre a questão e colocar tais limites em suas seleções, que entre primeiro com um MANDADO DE INJUÇÃO para que o CONGRESSO NACIONAL encomende de uma vez uma pesquisa ou pericia cientifica que o permitam aos legisladores elaborar uma lei que, por sua vez, permita às Instituções Militares legislar através de proposta de lei à Camara de Deputados Estaduais (Estatuto dos Policiais Militares da Bahia) para em seguida colocar tais limites em suas seleções de forma legal e constitucional!
    A PM-BA ainda está enganada sobre o que é respeitar os mandamentos da CF.
    Só espero que se toquem disso rapidamente.
    Forte abraço.

    DIEGO CASTRO - JORNALISTA

    ResponderExcluir
  61. A prova de ingles tem que ser mantida. É o certo a fazer já que ingles é a lingua mais globalizada.

    ResponderExcluir
  62. Deixe inglês mesmo.
    A prova deve ser mantida na capital, pois a ficalização é melhor.
    Quando era no interior, a máfia corria solta e até hj tem gente que responde por suspeita de fraude.

    ResponderExcluir
  63. Querido. Você fala de ilegalidade e eu falo de injustiça desigualdade material. Antes, o Taf era realizado de acordo com a faixa etária do candidato. Hoje, se você tiver 50 anos de idade vai fazer o mesmo taf de um garoto com 20 anos e o pior todas as etapas concentradas no mesmo dia. É assim que a PMBA valoriza as praças, submentendo-as a condição igual quando o assunto exige tratamento de acordo com a patente desigualdade aqui colocada.

    ResponderExcluir
  64. Infelizmente o imperialismo americano tomou conta das mentes pensantes. Seremos Oficiais ou turismólogos? Meu Deus o espanhol e o inglês são essenciais para a nossa realidade, mas, infelizmente, teremos que enfrentar uma prova discriminatória e voltada para o benefício de uns em detrimento de outros. Acredito que o problema foi economia de recursos financeiros e não a preocupação com a condição do candidato. Outra coisa, existem cursos que em 1 ano ja saimos falando inglês ou espanhol. Na academia se passa 03 anos e não se sabe sequer o verbo to be.

    ResponderExcluir
  65. Cel Mascarenhas,

    Sei que o senhor está dando o máximo para fazer um Comando justo. Mas, antes de acabar com os honorários de ensino e as horas extras, pense na tropa que percebe uma remuneração ínfima e precisa complmentar a renda para viver com um pouco mais de dignidade. Porque será que as altas patentes da Corporação não querem sair pra reserva? Eles têm carro, combustível, motoristas, trabalham quando querem, recebem símbolos e gratificações. E nós praças temos que viver como porcos comendo daquilo que acha até o dia de ser abatido? Somos seres humanos e precisamos de mais dignidade e respeito.

    ResponderExcluir
  66. Cel seria bom manter a cota do CFO para os já policiais militares. É desumana a concorrência com os civis.

    ResponderExcluir
  67. candidato do interior.......20 de abril de 2010 10:02

    Comandante, permita a realização das provas no interior do estado também. As provas poderiam ser realizadas nas 6 cidades correspondentes as regiões de classificação do concurso da PM : Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras . Por favor comandante, ajude as pessoas do interior. Contamos com o Sr Comandante !

    ResponderExcluir
  68. Sou militar e não me rebaixo a ponto de dizer que o civil é superior intelectualmente.
    O praça tem que tomar vergonha na cara e estudar para conseguir algo. Seja sair da PM ou galgar outras graduações ou postos dentro dela.
    A extinção da quota para praças e alunos do CPM foi uma das melhores coisas que esse o comando da PM fez nos últimos anos.
    Só reclamo da exigência de praças fazerem o psicoteste novamente. Mas isso pode ser resolvido junto à PGE, com posterior edição de portaria do Cmt Geral.

    ResponderExcluir
  69. candidato .......21 de abril de 2010 16:15

    Comandante,
    Muita gente do interior quer fazer o cfo também. Permita a realização das provas no interior do estado também. As provas poderiam ser realizadas nas 6 cidades correspondentes as regiões de classificação do concurso da PM : Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras . Por favor comandante, ajude as pessoas do interior. Contamos com o Sr Comandante !

    ResponderExcluir
  70. Tantos pedidos para que a prova seja realizada no interior, porém este não oferece segurança para a realização das mesmas. O que irá acontecer se forem também realizadas no interior, com certeza vai ser um número muito grande de fraudes.
    Com relação ao inglês, o comandante já explicou os motivos pelo qual será realizada a prova com a opção somente desta língua. Penso que devemos estudar os assuntos do edital , ao invés de suplicarmos pela sua retificação.

    ResponderExcluir
  71. comandante,

    coloca esse povo de Serra Talhada, Trindade, Parnamirim...cidades de Pernambuco....numa mesma sala e numa mesma escola.....para assim a fiscalização ser severa e se possivel prender uns dois né.....pois chega de Oficial do Paraguai....ou melhor dizendo...de Serra Talhada e Cia.

    ResponderExcluir
  72. COMANDANTE,ADMINISTRADOR,

    MUITOS QUE MORAM EM CIDADES DO INTERIOR DISTANTES DE SALVADOR GOSTARIAM DE FAZER A PROVA DO CFO TAMBÉM.PORÉM O CUSTO ENVOLVENDO A VIAGEM PARA SALVADOR DIFICULTA BASTANTE!
    Permita a realização das provas no interior do estado também. As provas poderiam ser realizadas nas 6 cidades correspondentes as regiões de classificação do concurso da PM : Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras . Por favor comandante, ajude as pessoas do interior. Contamos com o Sr Comandante !

    ResponderExcluir
  73. PROVA NO INTERIOR.
    Acho que se é a UNEB quem organiza o concurso da PM junto com a CONSULTEC, é possível sim a realização das provas no interior e de forma segura, inclusive com Policiais Militares fardados e à paisana fazendo a segurança. As mesmas poderiam ser realizadas tanto seguindo o critério de regionalização da PM (Salvador, Juazeiro, Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Barreiras), como, melhor ainda, poderia ser realizada nos polos onde a UNEB tem Campi Universitário. Sou nascido e criado em Salvador, mas não sou egoista ao ponto de mentir para que a situação continui me beneficiando como beneficia, pois realmente é desumano e injusto a aplicação de provas apenas na capital, sem falar que isso vai de encontro a obrigatoriedade do amplo acesso ao concurso.
    É o que eu, humildimente, penso.
    Um forte abraço a todos!
    IAUARETÊ MARACÁ COELHO.

    ResponderExcluir
  74. É melhor ter custos para viajar à Salvador e poder concorrer em igualdade de condições, a fazer a prova no interior e estar sujeito a todo tipo fraude.
    Não esqueçam dos fatos de Juazeiro.
    Hj temos alguns oficiais, que prestaram o concurso naquela cidade, que não têm nenhum mérito em relação às estrelas que ostentam em virtude das sutilezas na utização de celular durante o exame.
    A prova deve ser realizada em Salvador. Eu ainda acho que demoraram de colocá-las lá.

    ResponderExcluir
  75. Seria muito bom que fosse realizadas no interior também. Porém, como ficaria a questão das fraudes? O governo disponibilizaria verba para que o andamento do certame tivesse idoneidade? Sinceramente amigo, gostaria muito que fossem também realizadas nos interiores, mas nossa realidade não nos permite. Com certeza o número de fraudes seria elevadíssimo.

    ResponderExcluir
  76. Olá Comandante. Já estamos na mídia a edição do correio da Bahia de 26/04/2010 na página 02 chama a atenção da falsa propaganda do governo vejam http://correio24horas.globo.com/pageflip/)
    Gostaria de saber se realmente sairá essa semana a tao sonhada convocação?

    ResponderExcluir
  77. POR GENTILEZA, ALGUEM PODE ME INFORMAR QUANTO UM 2° TENENTE GANHA. OBRIGADO.

    ResponderExcluir
  78. ACHO DESNECESSÁRIO A PROVA SER TB NO INTERIOR, JÁ QUE, SE APROVADO, O CANDIDATO TERÁ Q IR UMAS 4 OU 5 VEZES A SALVADOR QUE É ONDE SE CONCENTRA TODAS AS ETAPAS. SENDO ASSIM SE A PESSOA Ñ TEM CONDIÇOES DE FAZER A PROVA M SALVADOR, Ñ TERÁ TB CONDIÇOES DE PAGAR OS CARÍSSIMOS EXAMES NEM DE COMPARECER ÀS ETAPAS POSTERIORES.

    ResponderExcluir
  79. Senhor Comandante, a exigeência de 30 anos é porque sub-entendem-se que trabalhará mais trinta pra aposentarem-se com 60anos, mas se levarmos em consideração que os civis podem averbar 5 anos de empresa privadas e todo o periodo trabalhado em orgãos publicos municipáis, estaduais e federais, como ficaria a situação de um civil que buscar na justica o direitoi de concorrer ao concurso do CFO, uma vez que a idade que ele tem juntando com o tempo a ser averbado totalizariam trinta anos de serviço tempo exigido para aposentadoria.
    antes de ser alcançado pela compulsoria.

    ResponderExcluir
  80. "Seria muito bom que fosse realizadas no interior também." Seria mesmo muito bom. Seria democratico, seria ético, seria de amplo acesso ao concurso como manda a Constituição.

    "É melhor ter custos para viajar à Salvador (...) a fazer a prova no interior e estar sujeito a todo tipo fraude." A coisa não funciona dessa maneira: Existem mecanismos de controle, como o próprio poder que os concursandos têm de se mobilizar na hora e impedir a continuação do concurso. Sem falar que depois que uma fraude é descoberta, a sociedade organizada fica ententa, fica de olho. E é para isso que servem o Mininstério Público, a Defensoria Pública e a própria mídia.

    "Não esqueçam dos fatos de Juazeiro." Não é pq houve fraudes em Juazeiro em um concurso passado que certamente e fatalmente haverá fraudes neste! Como disse antes e repito, a UNEB e a CONSULTEC têm condições de organizar um concurso de forma segura. E a própria PM, junto com a Cívil podem fazer a segurança do concurso com policiais fardados e à paisana em meio aos concursandos. Tanto que organizam seus vestibulares e outros concursos, respectivamente.

    "Com certeza o número de fraudes seria elevadíssimo." Vc não tem embasamento para fazer este típo de afirmação! Vc tá é especulando a seu favor! Isso é hipocrisia e egoismo! TEM UM MONTE DE HIPOCRITA AQUI, QUE SÓ TÁ INTERESSADO EM OBTER BENEFICIO, GANHAR VANTAGEM!

    "Porém, como ficaria a questão das fraudes? O governo disponibilizaria verba para que o andamento do certame tivesse idoneidade? Os Governos nunca disponibilizam verbas para a organização de qualquer certame. Todo certame é feito com base na taxa de inscrição que vc paga, que é calculada para que haja uma reserva de segurança e que, inclusive, permite a contratação de um efetivo necessário e suficiente para avaliar todos os aprovados em cada étapa e ainda sobrar muito dinheiro, mas as organizadoras não fazem isso e instituíram o múltiplo do nº de vagas/pontuação de corte para nos roubar! ISSO MESMO, É DINHEIRO NO BOLSO!!! SEJAM INTELIGENTES E PENSEM!

    "ACHO DESNECESSÁRIO A PROVA SER TB NO INTERIOR, JÁ QUE, SE APROVADO, O CANDIDATO TERÁ Q IR UMAS 4 OU 5 VEZES A SALVADOR QUE É ONDE SE CONCENTRA TODAS AS ETAPAS." Se a UNEB tem condições de realizar seus vestibulares com segurança, bem como este concurso, também têm condição, junto com a PM e a CONSULTEC de realizar todas as étapas deste certame. No máximo, uma ou duas étapas não poderiam ser descentralizadas. Além do mais, mesmo que fosse como está falando, só de não vir fazer a prova já significa um bom dinheiro economizado para os interioranos.

    TEM UM MONTE DE HIPOCRITA AQUI, QUE SÓ TÁ INTERESSADO EM OBTER BENEFICIO, GANHAR VANTAGEM!

    "SENDO ASSIM SE A PESSOA Q Ñ TEM CONDIÇOES DE FAZER A PROVA M SALVADOR, Ñ TERÁ TB CONDIÇOES DE PAGAR OS CARÍSSIMOS EXAMES NEM DE COMPARECER ÀS ETAPAS POSTERIORES." Quanto a isso, só vou comentar a questão dos caríssimos exames. Isso acontece porquê o tempo estipulado é muito curto e não dá tempo de procurarmos instituições gratuítas para fazermos os exames. A PRF, a PF e a ABIN, que são Federais, dão um prazo muito maior para a realização dos exames, que é, se não me engano, de uns 4 a 6 meses. Isso significa que, para efeito do controle da seleção de pessoas capacitadas para a atividade policial, sob o ponto de vista da saúde, que é o obejetivo dos exames médicos e físicos deste certame, é perfeitamente cabível um período maior de tempo, para que os concursandos possam fazer pelo menos parte dos exames pelo SUS ou faculdades de medicina. Mas a PM-BA, como já vimos, não está interessada em ser socialmente justa e selecionar pessoas por critérios socialmente democraticos, que dê as mesmas condições a todos. Talvez seja mesmo interesse selecionar os mais abastardos. E, por outro lado, os concurseiros não estão procurando o Ministério Público para em analogia com a PF e PRF, pedir a correção deste critério. Mas eu vou correr atrás disso!

    Iauaretê Maracá Coelho

    ResponderExcluir
  81. COMANDANTE
    GOSTARIA DE SABER COMO FAÇO PRA RETIFICAR UM ERRO CONTIDO NA MINHA FICHA DE INSCRIÇÃO.

    ResponderExcluir
  82. Estão fazendo " bicho de sete cabeças". A tática é estudar. E o concurso é democrático. Que venha o inglês.

    ResponderExcluir
  83. sr . gostaria de resaltar que aqui na bahia poderia ser como em outro estado que li uma materia que as mulheres concorriam as mesmas vagas de igual a igual com os homens porque sao tao poucas as vagas para mulheres isso é desvalorizar a qualidade da mulher.

    ResponderExcluir
  84. Sr Comandante

    Quero lhes dizer que na ultima semana, um individuo que
    reside no estado de Pernambuco me informou de uma possível atuação
    (fraudulenta) de um grupo de pessoas do estado citado, estes que estão cobrando
    a quantia de R$ 5mil reais para que as resoluções das questões da prova sejam
    passadas para os candidatos. Apresentei-me como interessado nas resoluções das
    questões, momento que ele me explicou como funcionaria a fraude. Segundo o
    individuo, o grupo contrata professores formados nas matérias cobradas no
    conteúdo programático e inscrevem os mesmos no concurso publico, sendo que
    estes, no dia do certame, vão normalmente ao colégio designado para a
    realização da prova e em um curto espaço de tempo resolvem somente as questões
    de suas determinada matéria, esperam o horário ( após decorrido 4hrs de provas)
    em que é autorizada a saída do local de prova e em poder das respostas, enviam
    através de SMS(mensagem por aparelho celular) para os candidatos que pagaram a
    quantia solicitada. Saliento que os candidatos interessados estarão com
    aparelho celular escondidos no corpo e ao receberem as respostas marcarão no
    gabarito, obtendo ótimas pontuações. Ele afirmou que o grupo do estado de
    Pernambuco é acostumado a agir em vários concursos públicos, tendo como
    exemplo: Concurso da Policia Civil de Pernambuco/2006, Concurso da Policia
    Militar de Pernambuco 2009, Concurso de Agentes Penitenciários
    Federais/Ministério da Justiça – 2009 e até mesmo Concursos CFO-BA de anos anteriores.
    Peço atenção e providencias perante o
    exposto e acredito que a implantação de detectores de metais ou permanência na
    sala até o final da prova seriam medidas que poderiam coibir a ação.

    ResponderExcluir
  85. Sr. comandante.
    CFO - 2010
    O que solicitamos como pessoas que pagaram R$85,00, é o respeito pela idoneidade do concurso.
    É imprecindível a colocação de detectores de celular nos banheiros de todas as escolas que irão ser realizadas as provas para o CFO 2010.
    Deve haver uma interação entre a Pm da Bahia e a empresa realizadora do concurso(Consultec). Para que não seja necessário a anulação do concurso.
    É melhor previnir do que remediar.

    Grato pela atenção.

    ResponderExcluir
  86. Senhor Comandante
    No ano passado, as denúncias sobre fraude no CFO começaram pelo Orkut e neste ano se repetem.
    Sugiro ao senhor providências necessárias para coibir esses tipos de atentados contra a lisura do certame.
    Impedir a saída dos candidatos, mesmo depois de decorridos 4 horas de prova, seria uma amarga, mas necessárias idéia.
    Sucesso

    ResponderExcluir
  87. Senhor Comandante...
    Cmo outras pessoas postaram, existem indícios de que ocorra novamente fraude no CFO.. É uma fraude que, pela falta de maior fiscalização, se torna fácil.
    Solicitamos do Senhor todas as medidas possíveis para que isso não venha a ocorrer, entre elas detectores nos locais de prova e nos banheiros.
    Agradeço desde já.

    ResponderExcluir
  88. Sr. Comandante,

    Peço encarecidamente que dê atenção a este caso de tetativa de fraude. Se for denunciado ao MP, pode haver a suspensão do concurso. E não é o que a PM quer, nem nós candidatos.

    ResponderExcluir
  89. Após a reunião da PM, UNEB e CONSULTEC, a fim de discutir a respeito da fiscalização para o cfo 2010, espera-se que exista efetivamente rigor nessa fiscalização. Sabe-se que o principal meio a ser utilizado é o celular, então deve-se coibir o uso desses aparelhos nos banheiros, assim como a não permissão de saída com o caderno de prova.

    ResponderExcluir
  90. ATENÇÃO!
    Mesmo em se tratando de possibilidade de fraude, não se pode proibir: a saída após decorridas 4 horas de prova, as idas ao banheiro e muito menos a saída com os cadernos de prova após a realização da prova e entrega da folha de resposta ao fiscal. É QUESTÃO DE LEI! ESTAS AÇÕES POR PARTE DE ORGANIZADORAS COMO CESGRANRIO SÃO ILEGAIS E PODEM LEVAR AO CANCELAMENTO DO CONCURSO! E Digo mais: Eu vou ser o primeiro a denunciar ao MP e pedir a anulação se não puder sair com o caderno de provas. Isso se eu já não for com um Mandado de Segurança Preventivo!
    Medidas como detectores de metais nos banheiros e policiais à paisana em meio aos concurseiros são comuns, legais e eficientes e podem ser feitas neste concurso. Isso eu apoio!
    Mas não se pode querer que se coiba tentativas de fraude com outras medidas ilegais que afrontam os direitos dos concursandos.
    LEMBRO QUE A ADM PUB NÂO PODE FAZER O QUE A LEI NÂO PROIBE E SIM O QUE A LEI PERMITE EXPLICITAMENTE!
    Abraços!
    DIEGO CASTRO - JORNALISTA

    ResponderExcluir
  91. Comandante.
    O senhor lê pessoalmente todas as mensagens aqui expostas?
    Dá para o senhor se pronunciar sobre as principais questões aqui postas?
    Gostaria de ler suas reflexões sobre as questões do concurso. Principalmente em relação às legalidades e ilegalidas constantes do mesmo (FATOS - CONTRA FATOS NÃO HÁ ARGUMENTOS! - EXEMPLO: Limite de idade = INCONSTITUCIONAL); a questão do prazo para realização dos exames médicos que deveria seguir o exemplo da PF e da PRF, pois a realização destes exames dentro de tão pouco tempo vai obrigar os concursandos a feze-los em clinicas particulares que cobram caro, sendo que poderiam procurar o SUS e Hospitais e Clinicas Universitárias para realiza-los se o tempo fosse maior como nos certames da PF e PRF; a questão da realização das provas no interior e a questão da prova de inglês. Em relação à esta última o senhor mesmo se contradisse quando afirmou que o motivo seria a mudança da matriz curricular que passaria a ser apenas de inglês e ao mesmo tempo fez chamada para a seleção de professores de Inglês e de Espanhol para atuação no Curso de Formação, sem falar que a realização de prova de espanhol, além de mais justo é também mais democrático.
    LEMBRE-SE DO AMPLO ACESSO AOS CERTAMES, QUE É OBRIGAÇÃO DA ADM PUB.
    LEMBRE-SE QUE A ADM PUB NÃO PODE FAZER O QUE A LEI NÃO PROIBE E SIM, TÃO SOMENTE, AQUILO QUE A LEI PERMITE EXPLICITAMENTE.
    Espero sua palavra.
    Sem mais, deixo-lhe um cordial abraço.

    DIEGO CASTRO - JORNALISTA

    ResponderExcluir
  92. AOS COLEGAS (PRINCIPALMENTE AOS HIPOCRITAS QUE ESTÃO FESTEJANDO AS VANTAGEM)

    * VIRAM AÍ QUE NÃO É O FATO DE O CONCURSO SER INTERIORIZADO OU NÃO SER INTERIORIZADO QUE EXPÕE O CERTAME ÀS TENTATIVAS DE FRAUDE?
    * VIRAM AÍ QUE MESMO A PROVA SENDO REALIZADA EXCLUSIVAMENTE EM SALVADOR, PODE HAVER FRAUDE?
    * VIRAM AÍ QUE A PM-BA EM CONJUNTO COM AS OUTRAS INSTITUIÇÕES ENVOLVIDAS NO CERTAME PODE DAR CONTA DA SEGURANÇA DO CONCURSO?

    ** PARABÊNS AO COLEGA QUE FEZ A DENÚNCIA, AQUI NESTE POST, SOBRE A POSSIBILIDADE DA REALIZAÇÃO DE FRAUDE POR PARTE DE ALGUNS PERNANBUCANOS, POIS É POSSÍVEL QUE A PRISÃO DOS PERNANBUCANOS QUE TENTARM FRAUDAR O CONCURSO TENHA SE DADO GRAÇAS À SUA AÇÃO.

    ** PARABÊNS À PM PELA ATUAÇÃO EFICAZ NA SEGURANÇA DO CERTAME E, EM ESPECIAL, PELA PRISÃO DOS ENVOLVIDOS NA FRAUDE.

    Iauaretê Maracá de Castro e Coelho

    ResponderExcluir
  93. FRAUDE CFO BA 2010 - Vergonhoso para a Bahia! O mínimo que a PM BA deve fazer, juntamente com a Consultec é anular este certame.
    Quer dizer, o indivíduo que será oficial da PM BA, é alguém que fraudou a prova??????? E não venha dizer que não será anulada por que a fraude foi descoberta. Foi descoberto apenas algumas pessoas que faziam parte desta.
    Vergonha de ser baiano.

    ResponderExcluir
  94. fico triste,pois já é dificil ser aprovado por causa da concorrência acirrado,imagine então com candidatos auxlidos por aparelhos eletrónicos que possibita ajuda externa ou gabarito,dessa forma fica impossível obter êxito.Eu fiz boa prova,mas desse jeito, o nivel nível vai ficar muito alto.Isso é vergonhoso!esse concurso tem que ser anulado para que eu possa competir com quem relmente estudou.É lamentável !!!!!!!

    ResponderExcluir
  95. FIQUEI INDIGNADA COM A FRAUDE DESCOBERTA NO CONCURSO. NÃO É POSSIVEL QUE DE UMA QUADRILHA QUE ATUA NO BRASIL TODO E NAO SO NA BAHIA SO 11 PESSOAS TENHAM FRAUDADO A PROVA, SENDO QUE CERCA DE MAIS DE 10.000 PESSOAS FIZERAM.
    O MINIMO QUE O COMANDO GERAL DA INSTITUIÇÃO PMBA, JUNTAMENTE COM A CONSULTEC DEVERIAM FAZER É ANULAR ESTE CONCURSO, TENDO EM VISTA QUE O TEMA DA REDAÇÃO DA PROVA FOI "ÉTICA NA POLICIA MILITAR".
    CASO A IDEIA DE ANULACAO NAO SEJA REAVALIADO FICA CLARO PARA A POPULAÇÃO CIVIL QUE A ETICA QUE ELES TANTO PREGAM E COBRAM SO FICA NO PAPEL.
    EM HIPOTESE DA PMBA NÃO SE MANIFESTAR A FAVOR DOS OUTROS CANDIDATOS QUE SE SENTIRAM PREJUDICADOS, EU, JUNTAMENTE COM ALGUNS COLEGAS INGRESSAREMOS COM AÇÃO NO MINISTERIO PUBLICO COBRANDO A ANULAÇÃO DESTE CERTAME.

    ResponderExcluir
  96. O mínimo que podem fazer é anular o certame. A PM-BA não pode suportar mais essa mancha.

    ResponderExcluir
  97. CONCORDO PLENAMENTE COM O COLEGA!
    NÃO É POSSIVEL À PM AFIRMAR QUE TODOS OS MELIANTES
    FORAM PEGOS.
    ALIÁS, PELO CONTRÁRIO, OS MELIANTES FLAGRADOS AFIRMARAM QUE HAVIA MAIS ENVOLVIDOS QUE NÃO FORAM PEGOS.
    É OBVIO QUE ELES NÃO ESTAVAM CONCENTRADOS NUMA ÚNICA SALA E NUM ÚNICO COLÉGIO, ATÉ PQ A DISTRIBUIÇÃO DOS CONCURSANDOS INSCRITOS NÃO DEPENDE DELES. ELES SIM É QUE DEPENDEM DISSO.
    SE A PM NÃO QUER ANULAR É PQ QUER FUGIR DOS TRANSTORNOS E OBRIGAÇÕES QUE ISSO ACARRETA, COMO A INDENIZAÇÃO DE QUEM TEVE CUSTOS COM VIAGEM E HOSPEDAGEM, E ESTARÁ SE APROVEITANDO DA PRISÂO DE ALGUNS FLAGRADOS PARA SE VANGLORIAR E DIZER QUE A PM FEZ O SEU TRABALHO E QUE O CONCURSO ESTÁ SALVO, MAS NÃO É BEM ASSIM.
    NÃO É UMA QUESTÃO DE VONTADE E SIM OBRIGATORIEDADE!
    E SE ESTA ADM AINDA NÃO APRENDEU A RESPEITAR O DIREITO CONSTITUCIONAL, ENTÃO A JUSTIÇA PODERÁ OBRIGA-LOS A FAZER.
    OS CONCURSANDOS DEVEM BSUCAR O MINISTÉRIO PÙBLICO!
    E CUIDADO, POIS PODE HAVER MODIFICAÇÕES NO EDITAL, QUE SERAM BEM VINDAS, SE FOR PARA CORRIGIR OS ERROS QUE AQUI JÁ FORAM COMENTADOS, POR MIM E POR OUTROS.

    Diego Castro - Jornalista

    ResponderExcluir
  98. SO LAMENTO PELO ACONTECIDO POIS FOI COM TODA DIFICULDADE QUE MIM DESLOQUEI DO INTERIOR PRA CAPITAL NO INTUITO DE PRESTAR AO CONCURSO, PARA O QUAL DEDIQUEI TODO ESFORÇO PARA QUE ESSE SONHO SE REALIZASSE.FIZ UMA BOA PROVA MAS NO DIA SEGUINTE FIQUEI TRISTE AO SABER DA FRAUDE.
    CASO NÃO SEJA ANULADO, TODO CANDIDATO QUE FEZ A PROVA E QUE NÃO PARTICIPOU DESSA INCONSTITUCIONALIDADE FICARA VETADO INFELISMENTE DE TER SEU SONHO OFICIALIZADO.

    ResponderExcluir
  99. Não anular o certame é ser condizente com o crime!
    Antônio Elídio da Costa e Souza
    Maracás - Bahia

    ResponderExcluir
  100. Não querendo me achar melhor do que ninguém, pois não sou, mas em 2007, fiz 71% da prova com concorrência 54 para 1, ficando na 19ª colocação, ( com redação 70)entretanto perdi na barra e meu caso esta em Brasília......fiz este ano novamente, e com certeza, com uma prova muito mais complicada ( cheia de casca de banana) e uma redação das mais dificeis que já fiz....sendo que faço direito noturno na UFBA e fiz 7 semestres de história na mesma....fiz 76%...e apesar da concorrência sei que passaria tranquilamente...contudo, estou com muito medo, já que estudei anos a fio, gastei muito dinheiro e como uma colega anônima disse " o tema da redação foi ´Etica"....é para sorrir.....se passarem 10 pernambucanos ou 7 paraibanos, devem ser postos para refazer as provas...sem discriminação, mas, vcs já pensaram se ficarem em 141 e tiverem 10 fraudadores dentro.... terão que gastar dinheiro com ADV para conseguir um mandado de segurança

    ResponderExcluir
  101. CAROS COLEGAS
    GOSTARIA QUE ANALISASSEM JUNTO COMIGO AS QUESTÕES 14 DE PORTUGUÊS E 70 DE DIREITO POIS ACREDITO QUE HAJA MAIS DE UMA RESPOSTA CERTA.
    EM CONSULTA COM PROFESSOR DE DIREITO PENAL, ELE AFIRMA QUE A QUESTAO 70 ESTÁ NA LETRA DA LEI, PORTANTO, APRESENTA MAIS DE UMA CORRETA.
    ISSO MOSTRA QUE A DESORGANIZACAO E O DESREIPEITO COM OS CONCURSANDOS JA COMECOU DESDE A ELABORAÇÃO DAS PROVAS.

    *POSTAGEM PELA MESMA CANDIDATA QUE MENCIONOU A REDAÇÃO

    ResponderExcluir
  102. PM Ba = Impunidade.
    Quem estiver lendo este post, por favor reflita e passe ao Comandante toda a indgnação dos baianos.
    Como podem não anular um concurso que já começou com fraude??? O que será da PM Ba com pessoas corruptas ocupando o cargo de oficial? Pensem sobre isso. Vergonha, só se verna Bahia!!!!!

    ResponderExcluir
  103. Senhor Coronel gostaria de saber se os boatos a respeito de ocorrer um certame do CFO no final do ano são verdadeiros, ficarei grato se puder esclarecer tal boato.

    ResponderExcluir

 

Copyright 2009 Todos os Direitos Reservados | Revolution church Blogger Template by techknowl | Original Wordpress theme byBrian Gardner